“É uma história sobre a essência de uma verdadeira amizade”

Ana Ribeiro está de volta com “Ao teu lado”, um novo romance sobre dois amigos de infância, que se envolvem amorosamente. A jovem autora revela o que a levou a escrever este livro e reflete sobre os constrangimentos que cerceiam os novos autores.

Ana Ribeiro

“Ao teu lado” é o teu novo romance. De que trata este título?

Mais do que uma história de amor entre dois amigos de infância, é uma história de afetos e da essência de uma verdadeira amizade que se inicia na infância e se prolonga pela vida fora. Também aborda a temática da diferença, a forma como as diferenças entre as pessoas muitas vezes as podem unir para sempre ou interferirem com as relações que estabelecemos com os outros. E o bullying: na infância, Miguel vive num dilema. Se por um lado sente falta de ter amigos, por outro lado não quer fazer amigos por ter medo de ser gozado por ser pobre.

Continuar a ler

“O meu objetivo é passar uma mensagem positiva sobre a luz que cada um carrega dentro de si”

Joana Ribeiro Correia escreveu “Quando for grande quero ser psicóloga”, livro infantil que explica aos mais pequenos o sentido desta profissão. Ilustrado pela sobrinha da autora, este título rapidamente se transformou num sucesso da Pastel de Nata Edições.

joana ribeiro

O que te levou a escrever este livro?

Sou psicóloga clínica, com um fascínio especial por trabalhar com crianças. Escrever este livro foi a realização de um sonho antigo e explicar o que é a minha profissão às crianças. O facto de ter uma sobrinha com oito anos, a Gabriela, também foi um grande passo porque assim consegui vários insights para chegar até este livro. Esta pequenina consegue alertar-me para pequenas situações do dia-a-dia que têm tanta importância para um futuro próximo. Passamos muitas horas na conversa, brincamos muito e assim fui reunindo um conjunto de ideias até chegar a este livro! Consegui escrevê-lo juntando o facto de explicar o que faz um psicólogo e associar o papel da psicóloga a uma situação concreta comum no dia-a-dia de cada criança: a competitividade nas escolas, bondade e amizade, valores éticos e morais. Como cereja no topo do bolo consegui que a Gabriela fizesse todas as ilustrações, o que me deixou escandalosamente feliz ao ver a minha história nos desenhos da minha sobrinha. E no fim de colocar toda a história no computador contei com o apoio de amigos que me deram dicas e sugestões importantes.

Continuar a ler